Você está aqui: Home › Colunas › Educação Física
Educação Física
Caminhar e exercício vigoroso para mulheres
É sabido que existe uma relação inversa entre uma atividade física vigorosa e uma diminuição do risco de ter infarto do miocárdio e ter outros eventos cardiovasculares.
Os exercícios são medidos em quantidade de energia metabólica gastos na sua execução ?metabolic equivalents MET score?.
JoAnn E. Manson e colaboradores, do Departamento de Medicina, do Brigham and Women?s Hospital, de Boston, compararam a incidência de eventos coronarianos entre 73.743 mulheres menopausadas, aos 50 anos, que foram acompanhadas até os 79 anos de idade, sob o aspecto das atividades físicas. Nesse período foram registrados 345 casos de doença cardíaca coronariana e 1.551 casos de eventos cardiovasculares.
Os escores MET, entre andar com passos vigorosos e exercícios extenuantes, foram relacionados com as mesmas reduções de fatores de risco nessas mulheres, não variando com a idade nem a massa corporal.
Isso significa que os exercícios realizados pelas mulheres em andar (não fazendo compras, nem olhando vitrine, mas em passos cadenciados e constantes), pode reduzir a incidência de infarto do miocárdio e eventos cardiovasculares da mesma forma que a prática de exercícios mais intensos na Academia de Ginástica.
Fonte: N Engl J Med. 2002 Sep 5;347(10):716-25

 

 

Veja mais em "Educação Física" [veja todos]

:: Apoio



:: Facebook

facebook

Desenvolvimento : Dexter's