Você está aqui: Home › Colunas › Reumatismo
Reumatismo
Sinovectomia na doenças reumáticas
Os novos equipamentos de diagnóstico por imagem têm capacidade de combater a radiação. Quando um paciente se submete a uma grande quantidade de RX, que por serem exames muito rápidos, não se expõem a altas doses. Em procedimentos clínicos mais complexos, como a detecção como aneurismas ou a realização de angioplastias (desobstrução de vasos sangüíneos do coração), pacientes podem ficar por quase duas horas submetidos a uma dosagem radioativa que pode acarretar o surgimento de queimaduras, entre outros problemas. Na tomografia computadorizada e na ressonância magnética, a dose de radiação é bem alta mas na densitometria ela é bem baixa.
P.Schneider e colaboradores, da Universidade de Wurzburg, Alemanha fizeram referências a radiosinovectomia ou sinovectomia, por isotopo
radioativo, que foi empregada pela primeira vez em 1952. È uma injeção intra-articular de um colóide radioativo, que fornece radiação de dentro para fora para destruir a sinovial. É uma forma de tratar a artrite reumatóide, que não reage aos medicamentos usuais. É uma espécie de radioterapia que alivia a dor e a inflamação da artrite, osteoartrose e da hemofilia. Quando bem indicado se obtém um alívio de 40 a 90% de bons resultados nas patologias acima referidas.
Fonte: J Nucl Med. 2005 Jan;46 Suppl 1:48S-54S

 

 

Veja mais em "Reumatismo" [veja todos]

:: Apoio



:: Facebook

facebook

Desenvolvimento : Dexter's