Você está aqui: Home › Colunas › Osteoporose
Osteoporose
Câncer de mama e osteoporose
Os inibidores da aromatase (IAs), são medicamentos modernos usados em pacientes que tem câncer de mama. Mas os IAs podem causar uma perda da massa óssea, porque bloqueiam a produção de estrógeno. B.A.Mincey e colaboradores, da Mayo Clinic, em Jacksonville, Flórida fizeram um estudo com os pacientes do Medicare seguro do governo americano com mais de 5 milhões de beneficiários entre 1998 e 2005. Identificaram 12.368 pacientes com o diagnóstico há 2 anos ou mais de câncer de mama, sem metástases ósseas que não tinham nem osteoporose nem fraturas. Esses pacientes foram seguidas durante 6 meses depois que estavam tomando a IAs. Pacientes que estavam tomando tamoxifeno também foram excluídos. Foram comparados 1.354 pacientes que receberam IAs (anastrozol, exemestane, ou letrozol) que foram comparados com 11,014 controles. Resultados: A perda óssea foi de 8,7% no grupo de todos os IAs
versus 7,1% no grupo controle, aumentando o risco de 1,3 (Intervalo de confiança de 95% variando de 1,1-1,6; P = 0,01). A prevalência de fraturas também aumentou de (13,5% vs. 10,3%); e aumento do risco significativo 1,4 (IC de 95% ,variando de 1,2-1,6, P = 0,001). Conclusão: Esse estudo retrospectivo confirma que os IAs realmente diminuem a massa óssea e aumenta o risco de fratura, quando usados no combate do câncer de mama.
Fonte: Clin Breast Cancer. 2006 Jun;7(2):127-32

 

 

Veja mais em "Osteoporose" [veja todos]

:: Apoio



:: Facebook

facebook

Desenvolvimento : Dexter's