Você está aqui: Home › Colunas › Psicologia
Psicologia
Sono ao volante
O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou em 25/02/2008, a Resolução que estabelece a exigência da avaliação de distúrbios do sono, para os candidatos que forem realizar exames de revalidação para as categorias C (caminhão), D (ônibus) e E (carreta). No Brasil atualmente 8.617.331 condutores possuem categorias C, D ou E. Os exames de avaliação
relativos ao distúrbio do sono serão realizados juntamente como os demais exames de aptidão
física e mental. A critério médico, o candidato poderá ser aprovado temporariamente ou ser
encaminhado para avaliação médica específica e realização de polissonografia. Segundo essa Resolução, os candidatos deverão ser avaliados quanto a Síndrome de Apnéia Obstrutiva do Sono (SAOS). Assim, serão verificados parâmetros objetivos, como por exemplo, hipertensão arterial sistêmica e classificação de Malampatti, parâmetros subjetivos que revelam a sonolência excessiva e são medidos de acordo com a Escala de Sonolência de Epworth. Segundo estudos relativos a problemas do sono, os distúrbios podem reduzir a capacidade de atenção e reação dos condutores, principalmente daqueles que passam mais tempo ao volante como os motoristas de ônibus e transporte de cargas. A Resolução já esta em vigor em todo o Brasil. C.M.Miller e colaboradores, pesquisadores da Case Western Reserve University, Cleveland, afirmam
que esses testes não ajudam a reconhecer o motorista que tem sono na direção de seu veículo.
Fonte: J Clin Sleep Med. 2007 Jun 15;3(4):417-23

 

 

Veja mais em "Psicologia" [veja todos]

:: Apoio



:: Facebook

facebook

Desenvolvimento : Dexter's